Harmonização por Júliana Borges

Toda tradição dos destilados poloneses com um conceito único

Para aqueles que acham que a vodca nasceu na Rússia, jamais cometa essa gafe ao viajar à Polônia. Além de suas riquezas culturais, com diversos locais inscritos na lista de patrimônio mundial da UNESCO, e de um IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) bastante elevado, eles são considerados o berço mundial dessa bebida e trazem toda a tradição e pioneirismo na produção das vodcas mais elaboradas e saborosas do mundo, o que as torna sonho de consumo para apreciadores de todas as regiões do planeta.

As diversas variedades da vodca propõem experiências bastante distintas e um dos objetivos atuais, não só dos poloneses, como deu outros apreciadores dessa bebida, é afastar o mito de que, considerado um álcool forte, muitos ainda ignoram que a vodca também possa acompanhar almoços e jantares, como se fosse um vinho.

“Há várias harmonizações que podem ser feitas com a degustação de uma boa vodca, tanto no acompanhamento de pratos originariamente poloneses, como também com outras gastronomias pelo mundo, inclusive a brasileira”, conta o sócio diretor da WINE7, Adriano Mercucci.

Uma das variações mais conhecidas na carta de vodcas polonesas, a Żubrówka, também conhecida em inglês como Bison Grass Vodka, é uma vodca seca com sabor de ervas que é destilada a partir de centeio e engarrafada a 40% de álcool por volume. Seu sabor é único e é descrito como tendo notas de woodruff, baunilha, coco, canela e amêndoa.

O destilado de centeio é aromatizado com uma tintura de erva de bisontes, que também confere ao espírito da bebida uma cor amarelada. “Esta grama cresce na Floresta Białowieża e em outros lugares. Uma folha de grama de bisão é tradicionalmente colocada em cada garrafa de Żubrówka, embora isso seja largamente decorativo”, explica Mercucci.

O conceito da Zubrovka é produzido desde o século XVI na Comunidade Polonesa-Lituana, na região do polonês contemporâneo – fronteira bielorrussa. No século XVIII, foi uma das bebidas cruas favoritas da nobreza (szlachta) e do campesinato. No século 19, o famoso fabricante de conhaque Shustov começou a produzir a Zubrovka, receita que é mantida até os dias de hoje.

MERCADO

Segundo o diretor da WINE7, apesar de ser uma bebida com características mais regionalizadas, a Zubrowka vêm conquistando admiradores em diversos países, independemente das condições climáticas, já que o consumo de vodcas é muito associado ao frio. “Atualmente, a Zubrowka ocupa a quinta colocação entre as vodcas mais consumidas no mundo, porém é a primeira se considerarmos o estilo”, informa.

HARMONIZAÇÃO E RECEITAS

Como a maioria das vodcas, Żubrówka é geralmente servida gelada por conta própria. Uma alternativa muito popular é misturá-la com suco de maçã (uma bebida conhecida em polonês como tatanka ou szarlotka (polonês para “bolo de maçã”); conhecida no Reino Unido como um Bison Frisky; e nos EUA como um beijo polonês. Às vezes é servido com sorvete de baunilha. Outro misturador comum é o ginger ale. Enquanto um “Black Bison” é Żubrówka misturada com suco de groselha preta.

Sobre a WINE7

Criada em 2017, a WINE7 é uma empresa com conceito inovador e trabalha com a importações de produtos exclusivos no setor de bebidas destiladas e fermentadas, como vinhos georgianos e vodcas polonesas.

3

Article Tags:
Article Categories:
estilo
Likes:
3

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *